Dedico e dirijo este blogue a todos aqueles que tiverem passado (ou estiverem a passar) por histórias de cancros, quer como protagonistas, quer no papel de acompanhantes na luta contra a doença, mas espero por cá encontrar qualquer contributo que qualquer um considere válido.
A intenção principal é trocar experiências de forma direta e sincera, sem necessidade de qualquer apoio no escudo da força constante e do pensamento sempre positivo, que tantas vezes não estão presentes, mas parece haver uma imposição social para que assim seja...
Sejam bem-vindos! E divulguem este blogue!

Por aqui, discorre-se sobre:

... Acompanhamento Psicológico Ajudar quem Ajuda Alertas Alimentação Alopécia Antes e Depois Aquisições autoestima Brincadeira Cancro da Mama nos Homens Cansaço Chamar os bois pelos nomes Cirurgias Cirurgias de Amigas Codependência Coisificação nas Doenças Prolongadas Complicações Pós-operatórias Consultas Conviver Cumplicidade Dar / Receber a Notícia Desafios Desânimo Desejos Desespero Despedida Diagnóstico Dicas Dieta Distinções Efeitos Secundários de Medicação Emagrecer Encontros de Amigas Esclarecimento Esperança Estilo de Vida Estímulos Exteriores Exames Pré-operatórios Exemplos Famosos Com Cancro Feminilidade Filosofia de Vida Pós Doença Fisioterapia Fracassos Gang da Mama histerectomia Histórias de Luta Hormonoterapia Hospitalizações Humor Implicações Psicológicas Incongruências Informação Lingerie Correta Lingerie Pós-Operatória Medos Meios Complementares de Diagnóstico Meios de Diagnóstico Menopausa Depois do Cancro da Mama Modos de ser Mudanças na Vida Natal Nova Normalidade Novas Amizades Novidades O Cancro em Pormenores O Cancro Não é Só uma Doença; é um conjunto de doenças O Cancro Não é Só uma Doença; é um conjunto de doenças; efeitos secundários da medicação Ocupação em Tempo de Baixa Os cancros dos amigos e familiares Palavras Alheias a Propósito do Propósito Parabéns Partilhar a Doença Perdas Pós-cirurgia Pós-operatórios Prazer em encontrar quem nos entende Prazeres Prevenção Prevenção de Recidivas Processo de Recuperação Projetos de Sensibilização Quimioterapia Radioterapia Rastreio do Cancro da Mama Reações Alheias Reações Pessoais Reconstrução Mamária Regresso à normalidade Regresso ao Trabalho Sentimentos negativos Sexualidade Sinais Sintomas Solidão Tamoxifeno Terapias Toque Tram Flap Tratamentos Verdade Verdadinha Vitórias Vontade de ter poder sobre a doença

riscos marcantes

riscos marcantes

NOTE BEM

No dia 11.1.11, este blogue passou a ser escrito à luz do Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa.

sábado, 27 de fevereiro de 2010

Vitórias



Aceitar que foi a nós que "o camião atropelou" e que temos de fazer esbater as marcas que isso nos deixou passa por reparar e sorrir em cada gesto, por pequeno que seja, que não conseguíamos realizar e passámos a conseguir.
Deixo uma pequena lista de sorrisos, que me foram normalizando a cara, a espaços, ao longo da passagem do tempo:

+ Utilizar a mão direita para comer
+ Vestir uma camisola (e não uma camisa, por o braço não se movimentar)
+ Lavar a cabeça
+ Colocar espuma no cabelo
+ Abrir os armários de cima, na cozinha
+ Tocar sem hesitação na mama "nova"
+ Massajar essa mama, especialmente a cicatriz
+ Hidratar o corpo todo
+ Colocar os dois braços em hiperextensão, ao lado da cabeça, e fazer disso um exercício, com número crescente de repetições e de séries
+ Fazer uma aula de hidroginástica e voltar para as seguintes
+ Trocar o sutiã pós-operatório (depois de 15 meses e três operações) por um normal
+ Caminhar na rua sem cruzar os braços (como gesto de defesa contra um eventual encontrão)
+ Estender roupa para secar
+ Conduzir
+ Conduzir (ou viajar de carro) sem colocar uma mola no cinto de segurança
+ Apoiar-me na mão e no braço direitos
+ Pegar em tachos e panelas...
+ Deitar-me virada para o lado direito
+ Dar abraços
+ Deitar-me de barriga para baixo
+ Nadar
+ Ver-me ao espelho sem ser de fugida
...

5 comentários:

tulipa disse...

Olá Guida
Estou super feliz hoje com este teu post. Pequenas coisas que não se dá valor até.......
As tuas vitórias são as nossas vitórias.
Não abuses é com as panelas e os pesos.

Hoje estou feliz, Bjs
Tulipa

Guida Palhota disse...

Que bom, Tulipa!
Esta é mais uma das vitórias: conseguir contribuir para a felicidade de alguém. Fico eu também feliz, por isso.
Obrigada pela preocupação com os pesos. Eu cuido-me. E tenho uma família cinco estrelas, sempre pronta a pegar no que pesa - até na minha mala de mão.

Um beijo grande

Pedro disse...

Vitórias são também novas caras que te visitam, novos nomes que te comentam. Também isso são vitórias e deixo-te aqui já os meus parabéns. Finalmente conseguiste um almejado retorno. À semelhança da tulipa, também fiquei feliz!

2

alfa disse...

E,eu, a mais nova !!!??? de todos quanto aqui passam, também não quero passar por aqui sem dirigir um VIVA, BEM ALTO à Guida. Pela força, pela coragem, pela vontade de existir ao pé de nós todos (bloguistas)e dos dela...Um beijo grande. VIVA A GUIDA....VIVA!

Guida Palhota disse...

Pedro:
Realmente faz-me bem saber que as minhas mensagens chegam a alguém, e nada melhor do que o retorno directo para eu me convencer disso.

- X -

Alfa:
Até fiquei atrapalhada!
Fico muito contente pelo entusiasmo contagiante. Ainda preciso muito de manifestações incentivantes. É que há várias razões pelas quais vale a pena lutar pela vida, mas não são todas. O silêncio absoluto de alguns, por exemplo, nunca seria motivo para eu querer continuar... se por acaso se propagasse a todos!

Beijos